Tipos de eventos corporativos: qual fazer?

Data: 06/11/2019

Compartilhe

Eventos corporativos podem render muito mais do que momentos de descontração, podem render momentos de crescimento para a sua empresa!

Final do ano já está ai e dá espaço para a pergunta: que tipo de evento corporativo eu devo fazer? Calma, vamos te ajudar nessa missão.

Antes de falarmos sobre os tipos de evento vamos falar rapidamente da importância deles. Um evento corporativo, além de uma oportunidade de interação, é uma oportunidade de melhorar o networking e fortalecer elos para seu negócio, ou seja, uma chance de investir na sua empresa. Dito isso, existem diversos modelos de eventos, no qual é possível investir, como por exemplo: workshops, reuniões, seminários, congressos, convenções e por aí vai.

 

Qual evento devo fazer na minha empresa?

 

Isso depende muito do seu objetivo. Assim você pode escolher qual se ajusta melhor ao perfil da sua empresa. Para isso, é essencial conhecer quais são esses tipos de eventos corporativos, não é mesmo? Então nós vamos te mostrar:

 

1. Congressos e convenções: São eventos que ocorrem em um período de determinado, e podem variar entre três dias à uma semana. Eles, geralmente, englobam palestras, debates, painéis e simpósios, tendo como objetivo central o enriquecimento científico e cultural dos participantes, propondo inclusive uma interação e troca de experiências.

 

2. Seminários: São caracterizados, principalmente, por uma sequência de atividades aplicadas por profissionais especializados. Possuem o objetivo central da integração, ou seja, fazer com que os participantes desenvolvam novas capacidades a partir da experiência com o tema abordado e debatido no decorrer do evento.

 

3. Workshops: Assemelham-se muito a cursos, pois os participantes interagem intensamente. Os workshops possuem uma eficiência muito grande, pois o conhecimento é absorvido através de uma experiência simultânea e tendem a ser bem mais dinâmicos.

 

4. Palestras: Este é um tipo de evento que possibilita abordar um tema relevante para os participantes e não precisa necessariamente ser relacionado ao segmento da empresa, mas sim ao mundo corporativo ou a temas relevantes a sociedade, como, por exemplo, igualdade de gênero, sustentabilidade, leis trabalhistas e temas motivacionais.

 

5. Gincanas: Promovem principalmente a diversão e o relacionamento dos participantes. São atividades que podem fazer parte de um evento interno ou externo e elas se baseiam em competições onde os colaboradores competem entre si ou em grupos.

 

6. Mesas-redondas: Usados para promover discussões e trocas de ideias sobre determinados assuntos, os palestrantes convidados dispõem um tempo para discutirem ideias entre si. As mesas-redondas são mais comuns durante congressos ou simpósios, mas podem ser realizadas separadamente. Vale lembrar que é necessário um moderador para guiar o rumo do debate.

 

7. Simpósios: Eles consistem em reuniões que buscam debater temas mais específicos. Sendo assim, discutem um único assunto durante toda a sua realização e tendem a ter profissionais mais renomados a frente do debate, também sendo necessário um moderador.

 

8. Encontros: São eventos corporativos bastante objetivos e de rápida duração. Eles têm como objetivo principal apresentar trabalhos e estudos feitos por determinada área. É a ocasião perfeita para reunir pessoas da mesma categoria e realizar debates acerca de temas polêmicos que estejam ligados ao dia-a-dia e às necessidades dos participantes.

 

9. Feiras: As feiras buscam expor produtos, marcas ou qualquer outro item. Em sua maioria são organizadas para um grande público, pois é uma excelente ferramenta de marketing para promover interação entre fornecedores e compradores. Para a parte estrutural, as feiras necessitam de estandes para a exposição destes produtos e/ou serviços. Na maioria dos casos não é permitida a comercialização durante sua execução, pois, por ter um intuito mais comercial, sua principal intenção é fazer networking.

 

10. Fóruns: São tipos de eventos que promovem uma grande interação com os participantes, por isso também é necessário um moderador para organizar o público e os temas que serão debatidos.

 

Agora que você conhece alguns eventos corporativos ficará mais fácil para escolher o que melhor se adequa aos seus propósitos e à sua empresa. Mas, seja qual for a sua escolha, a Zoli Eventos está pronta para te ajudar neste processo e fazer acontecer.

www.zolieventos.com.br